Portugal fecha contrato para fabricar e alugar autocarros a hidrogénio
Maior operadora de transportes públicos dos países nórdicos adquiriu o primeiro autocarro a hidrogénio produzido em Portugal.
30 dezembro, 2021 por
| Nenhum comentário ainda

A Kinto Portugal, empresa pertencente ao Grupo Toyota direcionada para o aluguer de viaturas (renting), finalizou recentemente uma parceria com a empresa Nobina que opera em países como a Dinamarca, Noruega, Finlândia e Suécia. Esta parceria conta ainda com a empresa portuguesa CaetanoBus, responsável pelo fabrico da carroçaria do autocarro.

A Nobina, que transporta diariamente cerca de 1 milhão de passageiros, direciona o seu foco para a descarbonização dos transportes públicos, contando já com 82% de autocarros elétricos na sua frota. Conseguiu, ainda, que pela primeira vez sejam introduzidos este tipo de veículos com zero emissões em grande escala na cidade de Estocolmo.

No que toca ao autocarro português de hidrogénio, está equipado com fuel cell Toyota - o que permite uma maior expansão das soluções de mobilidade sustentável da marca. A sua potência nominal é de 60kW, bateria de iões de lítio LTO com capacidade de 44 kWh e motor Siemens com potência de 180 kW. Conta com 12 metros de comprimento, piso baixo e carroceria de alumínio leve de três portas.

Deverá ser entregue ainda este mês em regime renting e iniciará a sua atividade no início de janeiro de 2022. Tratar-se-á de um aliado sem emissões às centenas de autocarros elétricos já disponibilizados pela Nobina.

Fonte: 

Motor 24 - Portugal fabrica e aluga "bus" a hidrogénio a países nórdicos

PARTILHAR
Iniciar sessão to leave a comment