McLaren substitui Mercedes-Benz na Fórmula E
17 maio, 2022 por
| Nenhum comentário ainda

A partir de 2023, a Mercedes-Benz vai seguir as pisadas da Audi e da BMW e irá sair da Fórmula E. A marca alemã anunciou a retirada da competição de elétricos, assumindo a McLaren o controlo da equipa a partir da próxima temporada, que ficará marcada, também, com o arranque da terceira geração de monolugares elétricos. 

A McLaren, que já compete na Extreme E, pretende incrementar a sua presença nas competições mais sustentáveis. Neste sentido, assume o controlo da equipa Mercedes-EQ Formula E Team, mantendo Ian James como diretor de formação nesta nova etapa. 

Tal como explica Zak Brown, CEO da McLaren Racing, “A McLaren Racing procura sempre competir contra os melhores e estar na vanguarda da tecnologia, oferecendo aos nossos adeptos, parceiros e outras pessoas novas formas de se entreterem e inspirarem. A Fórmula E, tal como as nossas séries de competição, cumprem todos esses critérios”. 

A modalidade, na próxima temporada, irá apresentar uma evolução para um monolugar mais eficiente e com novas soluções que serão desenvolvidas para, posteriormente, serem aplicadas nos modelos de estrada. Esta evolução apresenta um atrativo para as marcas como a Porsche, Jaguar, DS Automotive, Nissan e a Maserati que se juntará em breve à Fórmula E.


Fonte: Motor24

PARTILHAR
Iniciar sessão to leave a comment